Info

this is how we do it

Posts from the Doodles Category

Hoje acordei cedo e levei minha avó pra aula de karaokê. Nem sabia que isso existia. Ontem a noite recebi a missão e pensei: “agh, não, vou ter que acordar cedasso AAAAAH” – Cantar mais cedo que os passarinhos, GOD.

Buscamos 2 amigas delas e chegamos na aula ás 8h.

Chegando na salinha pequenininha me deu vontade de desenhar instantaneamente: troféus, certificados emoldurados, fios, fios, DVDs de enka, equipamentos de karaokê, mais fios, mais troféus, um freezer, coisas amontoadas = JAPA HOUSE

O professor ia e voltava com os DVDs de karaokê até as obasanzinhas chegarem no tom certo.

Foi muito legal e inesperado. BEST EVER. Inspirador :).

o professor de karaokê

amiga da oba treinando

amiga da oba comendo

obaachan treinando

Um pouquinho de Enka pra vcs:

Eu tenho um cachorro muito lindo, que tá sempre ao meu lado. O nome dele é Chibi. É um Welsh Corgi.

Há muito tempo atrás, um amigo meu me apresentou ao anime Cowboy Bebop.

tumblr_mnuolm3b6C1qfo270o1_400

Eu tinha meio que preconceito, não curtia ser estereotipada de japonesa, então me mantinha longe de coisas que tinham a ver com isso. Aos poucos fui aprendendo como é legal ter essa descendência e hoje em dia eu adoro tudo! :)!

Enfim, voltando, nesse anime tem um cachorrinho chamado Ein, que é da mesma raça. Eu sabia que um dia teria um igual.

O Chibi é muito carinhoso, com personalidade forte. Apesar de pequeno ele é robusto, forte e corajoso. Mesmo eu ficando brava com ele às vezes, ou estando longe por uns tempos viajando, ele sempre me recebe feliz e demonstra muito afeto.

Vou mostrar uns desenhos que fiz dele ao longo do tempo. Não são todos, fui tirando foto do que eu encontrava por aqui.

Foi difícil acertar as proporções no começo. Como ele é todo comprido, orelhudo e com patas curtas, parecia que eu tava errando o tempo todo! Mas foi um bom treino pra desenhar o que você vê, e não o que você meio que já tem na cabeça.

chibis

chibis

looking in his eye

fly, fly!

chibi

give me that apricot

chibi on black

zzz

purple chibi

chibi

belly up

test on wood

my first acrylic painting

Depois de desenhar e pintar ele diversas vezes, consegui estilizar um pouco.

protect me from evil

my first try on washi paper

chibi stickers

Acho que ter um “muso” ajuda a melhorar o treino de desenho. É divertido e nunca o mesmo, e é daí que sai coisa boa, né?

+ high-res version

Em julho estava empolgada para voltar a escrever, mas nem rolou por n motivos. Trabalho, cabeça etc.

Pensei no que escrever, de todas as coisas que aconteceram nessa pausa do blog, e a única coisa que me vem em mente é a viagem para o Japão.

Sempre quis viajar pra lá. Sempre.

No ano passado fiquei 6 meses alocada num freela de propaganda direto, sem poder desenhar direito, sem fazer nada fora trabalhar. Foi assim até o fim de outubro. Mas, uma boa noticia veio no meio da correria: ganhei uma viagem para o Japão da minha escola de japonês.

ACABOOOU é tetraaaaaaaaa!!!! GANHEEEEIII

Estava exausta, mas muito empolgada com o que estava por vir. Foram 6 anos sem tirar férias e ia finalmente fazer a viagem DA VIDA!

4 amigos me acompanharam por umas semanas. Eu fiquei viajando por 2 meses. Do norte ao sul, de Hokkaido a Okinawa. Comi e andei muito, vi muitas coisas incríveis e diferentes: as pessoas, a culinária, os templos, paisagens e museus. Tudo muito legal! Fui pro jogo do Corinthians também, hehe. Vi neve e fui pra praia.

Essa viagem influenciou muito no meu desenho e abriu novos horizontes. As cores, formas, o capricho, significado em tudo e a união com a natureza foram bem marcantes para mim.

Chega de bla bla, vamos às imagens!

Pra não dizer que fiz naaaada antes do rolê:

– Lançamos o Zinecórnio #3

Zinecórnio
Festinha de lançamento do Zinecórnio #3 com o povo do Projeto Pessoal

– Uns rabiscos

auto-retratinhos da minha cama pra ter um pouco de motivação pra levantar e trabalhar.

esperando. legal nao ter o que fazer :D

– Saí pra pintar na rua numa noite, com minha amiga Mayara Pascotto. Foi divertido demais :)!
livre e fiel.

Super resumo da viagem.

Acho que não vai ser a última vez que escreverei sobre esta viagem no blog!

Chegando em Tokyo, desenhei o povo no metrô/trem:
no trem

upload

Kyoto é linda, tem águas puras, ótimas para produção de arroz e sakê:

os sakes mais incriveis que já tomei na minha vida. sookuu.net

neste templo não podia tirar fotos, então o negocio foi desenhar. mais de 1000 estatuas, no templo mais comprido e sem pregos.

Osaka, a cidade da comida de rua, mãe do Takoyaki:

Takoyakiiiiiiii ❤ - reinstagram da @priscilakubo

De volta em Tokyo:

expo de máscaras japonesas

quero usar kimono todos os dias

Em Hokkaido:

galera na aula de desenho

no meio do caminho, um panda girando num skate.

Em São Paulo, chegando em casa, já vesti o Chibi, meu cachorro, de roupinha de ano novo:

chibi com roupa tradicional japonesa de ano novo.

Visitei muitos museus, onde não podia tirar fotos, mas vou tentar mostrar um pouco das coisas que vi por lá nos próximos posts. Voltei carregada de livros e bugigangas. Vi muita coisa legal, desde exposição do Rodin, Ukiyo-e, até os desenhos fofinhos tipo Rillakumma de hoje em dia.

Cópia da vida real.

thismorning

papel arches, aquarela, nanquim com pincel para finalizar o desenho e caneta micron sakura pra escrever o texto.

Sim, eu subi e calcei sapatos.

Rabiscos que encontrei nas minhas folhas de anotações de trabalho e de reunião, sketchbook, afins.

doodles